segunda-feira, 3 de abril de 2017

O que esperar quando se está esperando Prison Break vs 2017

De volta oito anos depois, a série promete nos deixar loucos


Há quase um ano atrás, saia a primeira notícia sobre a gravação da quinta temporada de "Prison Break" e eis, que como boa fã, me unia a milhões de pessoas na contagem regressiva pelo tão prometido dia 04 de abril de 2017, até então, uma pequena previsão sobre quando aconteceria o lançamento mundial da série. Agora, na véspera deste dia e com tudo já esquematizado, como não especular o que os irmãos Scofield e Burrows nos reservam?



Basicamente, creio que este seja uma epifania pra todo bom fã que acompanhou as quatro temporadas da série e o pequeno filme, onde Michael Scofield acabava nos deixando (spoiler), mas, claro que é uma nova perspectiva, já que desta vez não será Michael o grã mestre da fuga e não é mais uma prisão para se fugir e sim, um país. 

Se você ainda não tá sabendo nada sobre Prison Break - Ressurection, eu te conto o pouco que eu sei. No último episódio da série, lá em 2009, em um ato de sacrifício justificado, Michael Scofield acabou falecendo ao tentar salvar Sarah Tancredi da prisão. Acontece que a moça foi acusada pela morte de Christina Rose Scofield (mãe de Michael) e ao ser mandada para prisão, passou a correr risco de vida. Como Michael já não acreditava mais no sistema e Sarah estava correndo risco de vida, este por sua vez, bolou um plano de fuga com algumas alternativas de desfecho, diga-se de passagem, uma delas sendo bem crítica.

Enfim, no final da série, o próprio Michael explicou o desfecho da situação, justificando que se não viesse a óbito em decorrência de um erro em seu plano, acabaria vindo pela volta do tumor cerebral (aquele tumor que na 4ª temporada o pessoal da "Companhia" havia ajudado a retirar). Sendo assim, ficou menos dolorido aceitar o final sem felicidade para nosso herói gênio mor. 



Quando soube dos boatos da volta da série e depois a confirmação e assisti aos primeiros trailers, confesso que fiquei um tanto receosa de como os produtores trariam de volta um personagem tão forte e decisivo pra série, sendo que haviam o exterminado num final anterior. Bem, ainda tenho receio quanto a isso, entretanto, após acompanhar as entrevistas mais recentes que o elenco principal deu, o receio diminuiu, pelo menos quanto a justificativa pra o Sr Scofield estar vivo. 

Umas coisas me deixam curiosa,  como por exemplo: a volta de Michael ao mundo dos vivos após oito anos, vai impactar na vida de seus amigos e familiares, certo? Vejamos o seguinte: a Sarah está casada e tem uma nova vida, como fica este marido e esta vida? E o filho deles? Será que ele sabe do pai? Como vai reagir não só com a volta do pai que era dado como morto, mas também, com esta possível convivência? 

 E eu ainda fico me perguntando no que e em quem Michael se tornou após esses anos longe da família e vivendo em segredo. Lá no ano passado quando começaram a soltar algumas informações sobre o enredo da quinta temporada, surgiu a informação e depois algumas imagens das mãos dele completamente tatuadas e logo se comentou que assim como aconteceu na primeira e em parte da segunda temporada, as tatuagens também seriam parte fundamental para a condução de toda trama. 

E fora isso, ainda há babados fortes como o fato de o porta voz da notícia de que Michael não está morta e sim preso, ser o T-Bag, que se todos lembram muito bem, se tornou inimigo máximo de todos os personagens da série ao longo das temporadas e havia concluído a série, cumprindo sua boa e velha condenação à prisão perpétua.  Como se isso já não fosse "wow" o suficiente, parece que Liconln não aprendeu nada depois de 81 capítulos correndo pra tudo que é canto e quase indo pra cadeira elétrica, viu? Há boatos que o Sr Burrows passou os últimos anos como trambiqueiro de quinta categoria. Ou seja: se eu fosse Michael, ficava lá no Iêmen mesmo....

O certo é que vai ter muita ação, mistério e tudo em nove episódios, ou seja, prevejo mini infartos ao longo das próximas semanas e em meio a todo absurdo que às vezes cerca os acontecimentos e planos de Prison Break, se tudo der certo, teremos uma volta muito boa e com direito aos bons e velhos olhares malignos e manipuladores de um Michael Scofield mais maduro, maligno e ambicioso.

A série tem estreia mundial prevista pra amanhã, às 23h na Fox e como eu não garanto me manter acordada, já programei a TV pra gravar todos os episódios e claro, venho comentar o que achei em breve, certo?

Beijos!! 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita!!!


SENTIDO CONTRÁRIO - 2015. Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger