segunda-feira, 2 de março de 2015

Diário da Semana #45

Redescobrir


Quantas vezes a gente não acha que sabe de tudo? Acha que não vai mais se deixar levar por promessas baratas e pessoas vazias, mas quando a gente vê, caiu mais uma vez num daqueles contos que pareciam perfeitos, mas eram furada pura.

Todo mundo já viveu uma história dessas, seja com um "amigo" ou um "amor". Usei as aspas, porque amigos e amores de verdade, não usam e abusam da gente sem ter consideração. Não fazem a gente acreditar em coisas que não são verdadeiras ou que não terão futuros. Amigos e amores quando são verdadeiros, mesmo sabendo que poderão nos fazer sofrer e até decepcionar, são sinceros. Dizem tudo o que precisam dizer, ás vezes até, nem ligando muito pro rombo que isso vai fazer, com tanto que sirva de alerta. 

De vez em quando a gente precisa parar a vida, sentar e redescobri as nossas relações. Rever o modo como estamos encarando algumas situações e pessoas e aí, vê se vale realmente a pena permanecer ou se tá na hora de um reorganização. Afinal, a gente muda toda hora, todo dia e nem sente, sabia?

Eu vejo tantas pessoas dizendo que vão aproveitar o início de ano para se redescobrirem, mudarem suas vidas e começarem nossas histórias, mas no final, o que elas fazem mesmo, é só mascarar algumas coisas, por um ponto final e mudar de linha e aí, ao longo do ano tudo volta a acontecer e elas, fazem mil juras de que não sabe porque aconteceu aquilo... Será? Será mesmo que VOCÊ  não sabe porque aquilo voltou a acontecer? Ou será que você deixou mais uma vez a porta a aberta, na esperança da mudança vim até você e por preguiça, não foi até ela? 

Por muitos anos eu fui assim. Tinha uma história pra resolver e sempre adiava o dia de escrever o desfecho. Até que isso se prolongou tanto que passei a sentir de maneira considerável, o quanto adiar aquele momento estava me fazendo mal. Depois de dar mais uma oportunidade de tentar provar a mim mesma de que estava errada e que era coisa da minha cabeça, vi que eu só estava me anestesiando e anulando novas páginas que poderia escrever ou melhor, deixando de escrever uma história nova, viver coisas novas e redescobri sensações e momentos bons que há muito tempo eu não sentia e vivia. 

Redescobri-se pode ser a tarefa mais difícil que você pode fazer por si mesmo, mas, mesmo que depois você não mude nada na sua vida, dedicar um tempo para rever as coisas que estão acontecendo, seus sonhos e as pessoas que estão próximas a você, vai fazer você tirar boas conclusões sobre o que você já viveu e o que quer viver e assim, mudando ou não, você vai descobri um alguém sempre novo e disposto. 

¬¬


E aí, como foi a semana de vocês? 

A minha não foi lá muito animada, porque tava cheia de coisa pra fazer e tinha que preparar um seminário pra Pós Graduação. Nem sei se cheguei a contar, mas comecei a fazer minha primeira especialização e tô adorando. A turma é bem animada e sempre rola momentos incríveis, mas, a parte meio chatinha é que como a gente só tem aula de 15 em 15 dias e aos sábados, acabo ficando o dia todo na sala de aula, mas até que a gente se diverte e nem sente muito. 

Essa semana, a novidade foi que comecei a usar o kit day e night do Lady Slim. Comprei o kit antes de viajar e tava ansiosa pra testar logo, pois, queria ver qual ia ser a diferença entre ele e o outro. Ainda não notei muita diferença, mas vamos ver se nos próximos dias algumas coisas rolam e aí, eu conto mais sobre esse kit, mas fiquem ligadas que logo, logo entra um post falando sobre o meu primeiro kit, tá?



Tentei reler um dos meus livros favoritos, mas a correria da semana acabou atrapalhando um pouco e não pude terminá-lo na semana passada, então, ele segue essa semana como o livro da semana e em breve vem resenha dele aqui no blog, viu? 

Mas, falando um pouco sobre "Cansei de ser fashion"... Esse é um daqueles livros que nos engole e faz a gente viciar, amar e querer viver nele pra sempre. Além disso, a estória é toda ambientada no mundo das revistas femininas, então, pra quem gosta desse ambiente, vai babar com as narrativas.



E fechei os registros da semana, com um repost de um texto bem legal da Martha Medeiros, sobre a gente fazer algumas mudanças e se manter bem e feliz. Achei bem de acordo com o momento que ando vivendo e claro, postei pra vocês.



E isso, essa foi a minha semana bem meia boca, mas espero que essa nova que tá começando melhore, viu? Passa lá no Instagram e me segue (@lalylihh), assim você confere em tempo real tudo que rola no meu dia a dia. 


Beijos!! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita!!!


SENTIDO CONTRÁRIO - 2015. Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger