segunda-feira, 4 de agosto de 2014

Diário da Semana #15

Finalmente 23!


E o dia depois do grande dia é sempre um dia difícil, né? Dá uma saudade dos momentos vividos, a gente já começa a pensar no próximo ano, rever os presentes que ganhou e choraminga um pouco com as mensagens e surpresas que ganhou. 

Não esperava que meu aniversário fosse ser como foi. Na verdade, eu sabia que ia ser diferente e especial, já que como caiu no domingo, teria algumas comemorações antes do grande dia, mas no final, tudo foi totalmente diferente, inesperado e dez mil vezes mais especial. Passei cercada de amigos amados, papis, mamis e grandes momentos de risada e micos (os dois andam sempre de mão dadas quando se trata de mim). Ganhei presentes materiais bem especiais, mas, com toda certeza os mais especiais foram os sentimentais: saber que tenho por perto pessoas tão queridas e que sabem tanto sobre mim. 






Foco na minha vela de interrogação, que surgiu graças ao sumiço dos números dois e três das lojas de artigos para aniversário. Não tenho problema com a idade, mas achei mara a brincadeira de esconde - esconde e os meninos adoraram me zoar com isso (sendo que todo mundo sabia a minha idade). 

Outro detalhe mara é que desde o inicio da semana eu vinha comemorando esse aniversário. Primeiro teve um chá da tarde de reencontro, onde rolou muitas risadas, boas recordações, resenhas que não acabaram mais e claro, comidinhas deliciosas e de quebra o esquenta para a festa de sábado, onde mais reencontros rolaram. 

Sábado a festa foi da minha amiga Nayranda que tinha se formado em farmácia. Nunca comentei aqui, mas na época do colégio, cheguei a cogitar fazer Farmácia ou Engenharia Química (aproposito, eu era muito boa em química e matemática), então, eramos um trio que faria uma das duas áreas: Nayranda, Amanda e eu. As duas seguiram por Farmácia, enquanto eu fui pra comunicação. Também foi mara porque revi minha mamis mais amada do mundo (Márcia era minha professora de história, filosofia e sociologia, além de mãe adotiva, uma das maiores incentivadoras que já tive na vida e uma das culpadas por escolher minha profissão). Amei muito revê-la porque nesses últimos anos estava mega ausente por causa da vida corrida e morria de saudades dela e desse carinho enorme que ela sempre teve por mim e meus colegas. Mamis, te amo!!





Acho que esse foi o maior diário de todos, né? Muitas fotos, muitos momentos e agora, enquanto escreve esse post, vieram tantas lembranças boas, tantas saudades e uma imensa vontade de choramingar um pouco e pedir mais dias como esses. Sem dúvidas, esse foi meu melhor aniversário da vida adulta. Obrigada a cada pessoa linda que faz dos meus dias, dias de sol, dias a mais de alegria e bons momentos garantidos. Amo vocês!! 

Beijos!

5 comentários:

  1. Adorei! *-* Uma pena não ter estado presente no aniversário

    http://www.maribelezapura.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, né?? Vamos fazer a festa do pijama / despedida de solteira de Jadma, quero ver se você não vem!! kkkkkkkkkkkkkkk... Beijos!

      Excluir
  2. Gente, Márcia foi minha melhor professora EVER! Amo de graça! Acho que todos concordam que ela era a mãezona do Pindorama! Hahaha <3
    Saudades eternas!

    http://www.avenida47.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. E eu estava lá <3 <3 <3
    Adoreiiiii demaissssss passar seu niver com você! E que venha maisssssss :D
    Te amooo Laly!!
    Beijoss

    Momento Rosa.Com
    Curta a FanPage!
    Canal YouTube

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi um dia bem legal, né?? Até o chubby bunny assassino foi divertido. kkkkkkkkkkkkkk

      Beijos!!

      Excluir

Obrigada pela visita!!!


SENTIDO CONTRÁRIO - 2015. Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger